sábado, 16 de maio de 2020

REFLEXÃO DO DIA


16.05.20

Um dos maiores medos que aflige o ser humano é o de envelhecer. Esse medo chega a ser tão intenso que, ao invés de retardar o envelhecimento, apenas o apressa. Se estamos com esse medo, nos livremos dele, pois, é um sentimento nocivo.

Antes, devemos dar graças pelas rugas trazidas pela maturidade. São sinais de beleza e sabedoria adquiridos por quem vive plenamente, demonstrando conhecer o significado da alegria e do amor.

Se nos apegarmos em demasia à própria juventude, estaremos provocando um desgaste emocional que só fará antecipar o aparecimento das rugas. Por isso, é bom reservarmos um tempo para mergulharmos em nós mesmos, nos visualizando por inteiro e permitindo-nos sentir o profundo bem-estar da paz interior.

Nosso poder de imaginação é um dom muito mais valioso do que pensamos. Se a toda hora nos postarmos diante do espelho à procura de sinais de envelhecimento, na certa iremos encontrá-los. 

Se, ao contrário, empregarmos nosso tempo experimentando e vivenciando as alegrias que a vida nos proporciona, não vamos gastá-lo alimentando temores, e manteremos uma aparência mais jovem. A juventude está na forma como encaramos a vida e seus problemas.

Lembremos, neste sábado, que as rugas resultantes da mente sadia, do riso e do amor pela vida também aparecerão, mas serão sempre belas e admiradas.


Nenhum comentário:

Hora Dourada - Caraguatatuba / SP

 

OS MELHORES PITACOS