sexta-feira, 16 de abril de 2021

Lula e os Srs Ministros do STF

Caros amigos 

Como diria o bandido Lula da Silva, agora ex condenado, por honra e graça de 8 Ministros do STF: “Nunca na história do Supremo Tribunal Federal" houve tanto protagonismo de Juízes na política nacional e na defesa de agentes da corrupção, sejam eles de quaisquer das quadrilhas especializadas que atuam nos serviços públicos e nas nossas empresas privadas e estatais. 

Mais uma vez recorro ao jornalista José Nêumanne Pinto para dizer que não confio na isenção das decisões tomadas pela Suprema Corte brasileira! 

Todo o suposto “notável saber jurídico” dos Srs Ministros tem sido usado, basicamente, para beneficiar os criminosos que têm a sorte de terem seus processos julgados por eles. 

Não deve ser por outra razão que há  tantos "investigados" que se homiziam no Congresso Nacional 

Eu, realmente não tenho condições para avaliar se o notável saber dos Srs Ministros é jurídico ou de enrolação,  porque o esbanjamento do juridiquês torna ininteligíveis aos leigos os argumentos com que justificam o apreço à impunidade e o prazer, infantil e irresponsável, de fazer-se de piolho para poder intrometer-se, monocraticamente, em assuntos que, até eu sei, não lhes dizem respeito! 

A indulgência seletiva dos Supremos Ministros os transforma em antíteses da Têmis, a deusa guardiã das leis. Seus sentimentos de equidade são definitivamente duvidosos. A venda nos olhos não os torna imparciais, mas hipócritas. Não usam a espada em defesa do direito, mas do favoritismo. A balança, convenientemente ausente na estátua à frente do STF, os exime de dar tratamento igual e justo aos que, por razões misteriosas, merecem a sua proteção, como é o caso do maior de todos os corruptos da história, Luiz Inácio Lula da Silva! 

Eu fico inocentemente a me perguntar: O que é que eles ganham com isso? Ou ainda: O que é que eles deixariam de ganhar se usassem o seu poder para fazer justiça? 

A Suprema Corte brasileira é, sem dúvida e perigosamente a mais profícua fonte de ameaças à estabilidade do País. 

Ao permitir a soltura de criminosos como Lula e, daqui a pouco, por força da jurisprudência, de outros mais, os Srs Ministros nos autorizam a pensar qualquer coisa em relação à sua isenção. 

Agora, recorrendo a Boris Casoy, não posso deixar de  dizer que: "Isto é uma vergonha"! 

Gen Paulo Chagas

Nenhum comentário:

REFLEXÃO DO DIA 01.02.24

Todos nós conhecemos pessoas que, mesmo tendo tantas oportunidades, não as aproveitam, não agem e, por isso, estacionam na vida, não progrid...

OS MELHORES PITACOS